Facilitador e Instrutor. Palestrante, se preciso for…

Arquivo para agosto, 2010

Corporativa Brasil realiza, no dia 18 de Setembro, em São Paulo, a 5ª Edição do Treinamento NBR ISO 10015.

O treinamento tem como objetivo fornecer aos participantes diretrizes para implementar programas e treinamentos eficazes de acordo com a norma ISO 10015, contribuindo para que estes sejam um investimento e não uma despesa para a organização.

Prof. Márcio A. Silva, business consultant training da Corporativa Brasil, com todo o seu dinamismo, didática e interatividade com os participantes discorrerá sobre assuntos como: Diretrizes para treinamento, Definição das Necessidades de Treinamento, Projeto e planejamento do treinamento, Avaliação dos resultados do treinamento, Responsáveis pela implementação da norma ISO 10015, Avaliação do Retorno do Investimento – ROI, Indicadores para avaliar resultados de treinamento, entre outros.

Gostei muito do curso no sábado. Para mim não foi nem um pouco cansativo, pois tudo era novo e muito interessante. Será muito útil no meu trabalho”, comenta Neila de Faria Ribeiro Campacci da Portugal Telecom Inovação Brasil.

Público-Alvo: Gerentes de RH, Coordenadores e Analistas de Treinamento, Instrutores, Facilitadores, Supervisores, Líderes, Empresários, Estudantes e outros que tenham interesse na gestão de pessoas terão acesso a instrumentos eficazes para avaliar resultados do treinamento e o retorno do investimento.

Data: 18 de Setembro de 2010

Horário: das 08:30 às 17:30

Local: Comfort Suites Oscar Freire, Atlantica Hotels International – Rua Oscar Freire, 1948 – Pinheiros -São Paulo/SP

Informações: http://www.corporativabrasil.com.br/cursos_abertos_3.html

Inscrições: http://www.corporativabrasil.com.br/page_13.html

Contato: (11) 3081-1156 / 3672-3184, ou através do e-mail contato@corporativabrasil.com.br

Fonte: http://www.tosabendo.com

Scania cede veículos e constrói laboratório de mecânica para treinamento de motoristas em Mato Grosso

A Scania entregou dia 25, três caminhões novos, um do modelo G 420 6×4 e dois R420 6×2, à Associação dos Transportadores de Cargas do Mato Grosso (ATC). Avaliados em um total de cerca de R$ 1,5 milhão, os veículos foram cedidos em regime de comodato à instituição e serão utilizados nas aulas de qualificação de motoristas do Programa Guia Volante, que possui carga horária de 96 horas e aborda temas como direção econômica e defensiva, técnicas operacionais em caminhões pesados e uso racional dos pneus.

A montadora também fechou um acordo inédito com a entidade mato-grossense. Vai construir o primeiro laboratório de mecânica exclusivo para veículos Scania do Estado. A intenção é ajudar diretamente na geração de empregos e capacitação de todos os motoristas de caminhão pesado da região.

“Dentro de nossa estratégia comercial de integrar Gente, Produtos e Serviços, que batizamos como GPS da Scania, o treinamento e a valorização da figura do motorista de caminhão são fundamentais. O motorista é o fator isolado que mais pode contribuir, dentro da atividade de transporte, para a segurança nas estradas, a economia do combustível e a preservação do meio ambiente. Participar de iniciativas como o Programa Guia Volante da ATC é para nós uma ação de responsabilidade social integrada a nossa estratégia de negócios”, comenta Christopher Podgorski, diretor geral de Vendas e Serviços da Unidade de Negócios da Scania no Brasil.

Junto com a entrega dos novos caminhões, a ATC inaugura instalações pedagógicas e administrativas, localizadas em área anexa à concessionária Scania para a região, a Rota-Oeste, de Rondonópolis (MT).

Na parceria fechada com a ATC, a Scania ainda compromete-se a garantir a excelência da aplicação dos cursos aos profissionais com a atualização do conteúdo do material didático disponível sobre os veículos da marca.

“Com os novos veículos Scania, aumentaremos consideravelmente a produtividade e a eficiência dos cursos oferecidos, pois esses modelos são predominantes em nossa região. Também vamos receber e aplicar material didático da Scania sobre operação e manutenção, o que vai equiparar a ATC com os outros centros de capacitação de motoristas apoiados pela Scania no País”, informa Miguel Mendes, diretor executivo da ATC.

Para manter a qualidade e o bom funcionamento dos caminhões nos cursos, a Scania vai se responsabilizar por todos os custos de manutenção em peças e serviços de oficina dos veículos cedidos à Associação, que poderão ser atendidos em qualquer uma das 100 concessionárias da marca distribuídas pelo País. A frota de veículos pesados da ATC, que já contava com um caminhão Scania desde 2004, está programada para chegar a 10 unidades até meados de 2011, com a aquisição de outros seis veículos também da marca Scania por parte da ATC.

A ATC nasceu em setembro de 2002 com a missão de incentivar e promover o desenvolvimento da atividade de transporte rodoviário de cargas, além de formar profissionais capacitados e conscientes da importância do treinamento para uma direção mais segura e eficaz.

Fonte: http://www.olhardireto.com.br

Treinamento on-line no mercado de transportes traz resultado?

Muitos segmentos já aderiram à tecnologia para treinar e capacitar seus colaboradores

Por Paulo Santarlacci , http://www.administradores.com.br
Há alguns anos, pensar em treinamento on-line não fazia parte da realidade da maior parte das empresas de todo o mercado. Hoje, muitos segmentos já aderiram à tecnologia para treinar e capacitar seus colaboradores. Os motivos são diversos: desde a redução de custos e tempo de deslocamento até a inclusão digital.

No segmento de transporte e logística, isso ainda é novidade. Porém, temos que concordar que deslocar mil pessoas espalhadas por todo o Brasil para um dia de treinamento não é a mais fácil das tarefas, mesmo para um departamento de RH plenamente eficiente. Além dos altos custos de transporte, há a perda de dias de trabalho, já que o colaborador deixará seu posto com antecedência para deslocar-se até o local onde será realizado o treinamento, muitas vezes em outro estado. Esta ausência prolongada pode resultar no declínio dos processos de produção e na sobrecarga de trabalho dos que ficarem na empresa.

E se houvesse uma forma de treinar simultaneamente toda a grade de funcionários, em todos os estados, de uma forma rápida, lúdica, interessante e que ainda oferecesse uma avaliação do que foi aprendido? Nesta problemática é que entra o treinamento a distância, tão ou até mais vantajoso que os cursos presenciais.

A forma de envolvimento deste tipo de curso é tão eficiente que muitas vezes nem parece um treinamento. Este é o grande desafio do e-learning, uma vez que precisa prender a atenção do aluno durante todo o período do curso. Para tanto, são usadas ilustrações, interação com o treinando, enquetes, vídeos, jogos, etc. O conteúdo dinâmico ajuda – e muito – na absorção das informações e é o grande diferencial nos programas de capacitação a distância.

Porém, é importante realizar um estudo de caso minucioso dentro da empresa antes de implementar estas ferramentas; checar se há estrutura tecnológica para o treinamento on-line; quais as reais necessidades da companhia; qual o público para cada curso; etc.

Além de capacitar e atualizar os colaboradores, oferecendo a eles treinamentos de alta qualidade e crescimento profissional, os cursos on-line também são formas de oferecer inclusão digital a alguns funcionários, já que nem todos, principalmente no setor logístico, têm acesso a computadores e, a partir daí, descobrem um novo mundo a ser explorado.

A abrangência dos cursos também é um fator que chama a atenção no formato a distância. Isso porque é possível treinar as pessoas de todas as áreas da empresa ao mesmo tempo, sem tirar nenhum colaborador do horário de trabalho por muito tempo e, principalmente, garantindo a unicidade do conteúdo. Geralmente, os cursos são disponibilizados em módulos periódicos, oferecendo flexibilidade de tempo para quem vai realizá-los – e isso pode ser feito da própria estação de trabalho ou computadores disponibilizados pela empresa, especialmente para o treinamento. Ou, até mesmo, pode ser feito fora do ambiente de trabalho, em local e horário escolhidos pelo aluno.

Sozinho ou aliado a um curso presencial, o treinamento a distância traz, comprovadamente, diversos benefícios tanto para o segmento de transportes como para o mercado no geral. Esta tendência tem crescido nos últimos anos e conquistado segmentos nunca antes experimentados. Prova disso são os cases de sucesso que já podem ser vistos, também, no setor de transportes e logística. Num futuro próximo, dizem alguns especialistas, os programas de ensino e treinamento corporativos devem migrar, também, para o celular.

Paulo Santarlaccié diretor das áreas de Recursos Humanos e Qualidade da Jamef Encomendas Urgentes.

Fonte: http://www.administradores.com.br

Aviesp lança novo modelo de treinamento em setembro

A Aviesp – Associação das Agências de Viagens Independentes do Interior do Estado de São Paulo – vai lançar o novo modelo de treinamento “Vendedores de Sucesso” nos dias 11 e 12 de setembro, no Quality Itupeva. Ele vai capacitar agentes de viagens associados e não associados em Vendas, Atendimento e Marketing. A intenção é que a capacitação chegue a 150 profissionais de Campinas, Sorocaba, Piracicaba e Jundiaí, na primeira ação.

“A proposta é que a Aviesp contribua para a melhoria no processo de vendas e na captação de maior número de clientes para o agente de viagens”, declarou William Périco, presidente da entidade. Toda a programação é gratuita, incluindo hospedagem, refeições e transporte.

Poderão participar do treinamento até dois agentes por agência de viagens associada e um para não sócios, limitados à capacidade do espaço, em apartamentos duplos. O mesmo modelo será realizado em mais três regiões: em Álvares Machado, entre os dias 25 e 26 de setembro; Barretos nos dias 16 e 17 de outubro e Mogi das Cruzes em 6 e 7 de novembro.

Fonte: http://www.mercadoeeventos.com.br

Universidade Corporativa do Mar vai criar curso de MBA em Manutenção para pessoal da área maritima

Vem aí o primeiro curso de pós-graduação em gestão de Manutenção, voltado para o publico naval. Numa iniciativa do SINDMAR – Sindicato Nacional dos Oficiais da Marinha Mercante, através de sua UCM – Universidade Corporativa do Mar, o curso de MBA feito sob medida para os maritimos abrirá inscrições em Outubro, com previsão de inicio nos primeiros meses de 2011.

O programa do curso está em fase de definições, bem como a Universidade com a qual a UCM vai se emparceirar para que esta qualificação tenha reconhecimento ofical do ME – Ministério da Educação.

A inetenção do pessoal do SINDMAR é preparar os profisisonais da área para um aumento excepcional de demanda e performance dos ativos (navios, rebocadores, plataformas, etc.)  onde essa turma tem que fazer manutenção de primeirissima linha, em geral sob condições extremas de uso.

A ementa do curso, assim como o corpo de professores, estará levando em conta o estado da arte em termos de gestão da manutenção, muito aplicada em terra firme (on-shore), mas com o enfoque que a turma do mar (off-shore) precisa receber para dar conta dos desafios que já estão por aí.

Fonte: Site Manutenção.Net

Desafio da universidade corporativa é promover treinamento a distância

A afirmação é do coordenador nacional da universidade corporativa dos Correios, Mozart Gomes Ferraz (foto). Palestrante do Conitec 2010 – Primeiro Congresso Nacional de Inovação, Trabalho e Educação Corporativa, que está sendo promovido pela Associação Nacional de Inovação, Trabalho e Educação Corporativa (Anitec), no Rio de Janeiro, o coordenador falou sobre “As boas práticas da educação corporativa que geram inovação”.

Mozart Ferraz destacou a importância de a universidade corporativa promover a migração para o treinamento a distância, ressaltando que, em comparação com o treinamento tradicional, representa menor custo e maior velocidade, o que significa uma vantagem competitiva nos dias atuais, em que a informação circula rapidamente e, com a mesma rapidez, perde a atualidade. Para ele, é fundamental que as empresas acompanhem essa agilidade e possam dar a sua contribuição.

O coordenador lembrou que os Correios precisam treinar da mesma forma e ao mesmo tempo, por exemplo, um atendente que trabalhe no Amazonas e outro que atue em São Paulo.

O Primeiro Congresso Nacional de Inovação, Trabalho e Educação Corporativa aconteceu na sede do Sistema Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (Firjan).

Fonte: http://www.gentequeinova.com.br

Novo site do IGEC

Visitem o novo site do IGEC

e conheçam os cursos de Pós-Graduação

  • Gestão Estratégica da Comunicação
  • Jornalismo Esportivo e Negócios do Esporte
  • Gestão Estratégica do Marketing Digital
  • Marketing Estratégico

e Cursos Avançados

  • Jornalismo de Celebridades
  • Técnicas de Redação Jornalística
  • Marketing da Beleza
  • Sustentabilidade, responsabilidade social empresarial e terceiro setor
  • Comunicação para Terceiro Setor
  • Workshop de Negociação Mercado Comum

Acesse www.igec.com.br

Nuvem de tags