Facilitador e Instrutor. Palestrante, se preciso for…

São Paulo – A Vale inicia em março, no Centro de Excelência em Logística (CEL), em Vitória (ES), os testes com um simulador de operação de trens desenvolvido em parceria com a Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (USP). O equipamento, que recebeu investimentos de R$ 2,5 milhões, possibilita a reprodução fiel das malhas ferroviárias da Vale em tecnologia 3D. A imagem produzida em 3D mostra o comportamento do trem, ao longo de todo o trajeto de uma ferrovia, sob diferentes condições climáticas.

Em nota, a Vale explica que o simulador de realidade virtual vai reproduzir as malhas das estradas de ferro Vitória a Minas (EFVM), Carajás (EFC), Norte Sul (FNS) e Ferrovia Centro-Atlântica (FCA). Juntas, elas somam mais de 10 mil quilômetros de linha.

Por meio de um sistema de georreferenciamento, o simulador também pode criar diferentes malhas ferroviárias e projetar situações de risco como, por exemplo, animais cruzando a linha do trem durante a noite.

Nos últimos oito anos, a Vale investiu R$ 9,5 milhões em tecnologia de simuladores e, em 2010, deve investir mais R$ 1 milhão no aperfeiçoamento dos módulos do novo simulador.

Cerca de 540 maquinistas serão treinados ainda este ano. A previsão é de que, a partir do segundo semestre, sejam instaladas cerca de 24 cabines de treinamento no CEL em Vitória (ES), em São Luís (MA), e também ao longo da FCA, em unidades móveis de treinamento da Vale, a área de educação da empresa.

Fonte: http://www.abril.com.br

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Nuvem de tags

%d blogueiros gostam disto: